Comparar Imóveis

Comparar
Só poderá comparar 4 imóveis em simultâneo. Caso adicione um novo imóvel o mesmo irá substituir o primeiro na lista de comparação.

Blog

O seu crédito foi recusado. Porquê?

 Por vezes ter um crédito aprovado não é assim tão fácil. Para quem não estiver informado do que uma instituição financeira tem em conta, pode ficar com o seu crédito recusado por apenas pequenos pormenores.

 Imagine que quer comprar uma casa mas não tem capitais próprios suficientes para pagar a totalidade do imóvel, irá precisar de recorrer a um crédito habitação e para que uma instituição financeira lhe empreste o valor que necessita, esta irá precisar de analisar o seu perfil de risco enquanto cliente. Nisto a instituição financeira irá solicitar-lhe a entrega de alguns documentos.

 Mesmo que tenha condições financeiras para pagar as prestações mensais pode ocorrer a recusa de crédito. Isto pode acontecer se não tiver atenção aos documentos que envia para a análise do seu pedido de crédito. 

 No decorrer desta notícia iremos explicitar melhor os motivos por detrás desta recusa.

Pode pedir um crédito com problemas bancários? | ComparaJá.pt

A análise de um pedido de crédito

 Pedir um crédito ao banco consta numa análise onde irá obter pré-aprovação do seu empréstimo, com isto a instituição financeira avalia o risco de conceder-lhe o montante que pediu. E para determinar o risco do seu perfil enquanto cliente, há uma análise detalhada de vários fatores, como a sua situação profissional e financeira.

 Se possui um contrato de trabalho sem termo efetivo, esta análise irá focar se principalmente nos seus rendimentos, a sua taxa de esforço e o seu histórico enquanto pagador.

 Outros fatores de análise podem ser também a idade e o número de titulares do crédito. Para as instituições financeiras é fundamental perceber a sua capacidade para pagar um crédito a longo prazo. E se esse banco detetar que falhou com pagamentos no passado ou verificar que atualmente está em incumprimento, verá o seu pedido de crédito recusado.

 É através dos documentos pedidos que as instituições financeiras percebem o seu histórico enquanto pagador. Na fase de análise para a pré-aprovação de um crédito habitação, as instituições financeiras pedem a seguinte lista de documentos:

  • Último extrato de cada um dos seus Cartões de Crédito
  • Comprovativo de morada
  • Comprovativo de IBAN
  • Mapa de Responsabilidades do Banco de Portugal
  • Declaração de Início de Atividade (se aplicável)
  • Extratos bancários (últimos 3 meses)
  • Nota de Liquidação de IRS do ano anterior
  • Recibos de Vencimento (últimos 3 meses)
  • Recibos verdes (últimos 6 meses)
  • Declaração de ví­nculo contratual (emitida pela entidade patronal)
  • Declaração de Rendimentos
  • Última Declaração de IRS
  • Documento de Identificação legível e atualizada

 

Crédito recusado com base na taxa de esforços e nos seus vencimentos

 Os clientes perceberão facilmente a recusa, se estiver associada à sua capacidade financeira para suportar um empréstimo. A instituição avalia os seus rendimentos, com base nos recibos de vencimento, do seu IRS ou a partir dos recibos verdes.

 Com isto será feito um cálculo da sua taxa de esforço, onde este avalia a relação entre o rendimento mensal líquido de um agregado familiar e as despesas associadas a créditos. 

A instituição financeira pode achar que contém um risco elevado em conceder-lhe um novo crédito se o cálculo for superior a 30% para um crédito habitação, porém, se a sua taxa de esforço for inferior a 30% não dê como certo a pré-aprovação do seu crédito. Pois, este não é o único fator que influencia o nível de risco de um cliente.

5 motivos para ver o seu pedido de crédito recusado pelo banco

Documentos que mostram o seu historial enquanto pagador

 Na lista de documentos solicitados no crédito habitação, os seus extratos bancários, de cartões de crédito também são avaliados. Juntamente com esses documentos, terá que apresentar o Mapa de Responsabilidades do Banco de Portugal. E através destes documentos, uma instituição financeira consegue perceber se pagou tudo certinho.

 É possível analisar o valor que entra e sai da sua conta mensalmente sendo avaliado se nesses meses o seu saldo esteve a negativo, isto acontece quando costuma recorrer ao saldo dos cartões de crédito para conseguir gerir as suas despesas e se houve atrasos nos pagamentos de alguns encargos.

 Com o Mapa de Responsabilidades do Banco de Portugal, a instituição tem acesso a todos os seus créditos ativos até ao presente. Se tiver prestações em atraso, relativas a um ou mais créditos, estará em incumprimento. Com este sucedimento será negado o seu pedido de pré-aprovação de crédito.

 E por fim o comprovativo de morada, este documento é capaz de passar despercebido, demonstrando o seu historial enquanto pagador.

 O comprovativo de morada é entregue na forma de fatura da água, da eletricidade ou de telecomunicações. 

 Para além de o documento servir como comprovativo de morada este concebe alguns dados, caso tenha uma fatura em atraso ou exista um valor por saldar, essa informação constará na sua fatura. E mesmo que esse valor esteja liquidado e envie o comprovativo de pagamento, pode ser visto como um sinal de risco. 

Como fazer empréstimo online sem burocracia? – Blog da Resolvvi

Como evitar um crédito recusado devido ao envio de documentação

 Deverá verificar todos os documentos consigo antes de enviá-los para análise de um pedido de crédito. Se o extrato bancário da sua conta diz respeito aos três meses anteriores, pode otimizar a gestão e melhorar as suas práticas.

 Ao adotar boas práticas de gestão melhora as suas finanças pessoais e evita possíveis cobranças de taxas. Quanto aos extratos associados aos cartões de crédito, é avaliado o último mês. Tenha atenção às datas limites dos seus pagamentos.

 Um crédito recusado não é o sinônimo de incapacidade de concretização dos seus objetivos através de um empréstimo. O que precisa é obter imensa informação sobre a concessão de um crédito e melhorar as suas condições. Caso precise de ajuda, pode recorrer a um intermediário de crédito experiente para tratar do seu processo.

 

Fonte: doutorfinancas.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Seja o primeiro a recerer

as novidades

ESTEJA NA LINHA DA FRENTE DO QUE POR AQUI ACONTECE!